St. Barths Online

Quem vem em S. Barts?

Os Clássicos Americanos Ricos - Segundo a opinião geral, são os visitantes ideais. Eles não fazem desordem, são sempre amigáveis e cortês e não são intimidados pelos preços exorbitantes.

 

As Celebridades - Sem a formação e a paciência de um detetive, você não vai vê-los vagando pela ilha, a menos que eles sejam jovens ou demasiadamente egocêntricos, para ter a necessidade de serem reconhecidos e admirados à frequentes doses. Eles vão e vem, permanecem momentaneamente em moradias dentro de propriedades particulares, e ocasionalmente frequentam vários restaurantes onde a reserva é necessária. A impressionante lista de celebridades sempre mencionadas nas revistas de viagem como se fizessem parte do cenário de St. Barth é uma curiosidade menor para a maioria parte dos residentes, que não reconheceriam Harrison Ford, Liz Clairborne, Beyoncé ou os Black Eyed Peas se eles cruzassem o limite das suas portas.

 

Os “Fabricantes de moda “ à sucesso das mídias - não são as estrelas do mundo do cinema ou da televisão, e sim uma parte dos produtores, diretores, agentes, e técnicos que fazem com que a celebridade seja possível, e ganhem muito dinheiro durante o processo. Por natureza, eles transbordam de energia e têm muita dificuldade a concentrar-se na mesma coisa, e frequentemente usam bonés de beisebol e camisetas com slogans enigmáticos que só eles e seus associados entendem, e também aqueles que estudam ardentemente as publicações ligadas ao show-business.

 

Yachtsmen - Esta categoria estende-se aos propietarios de enormes Iates internacionais e seus convidados, até os nômades deliberadamente pobres cujos barcos artesanais são testemunhas da influência dos anjos da guarda.

 

Jovens parisienses bem sucedidos - É fácil de reconhecê-los. Eles chegam vestidos de preto e branco e são de uma palidez preocupante. Eles raramente sorriem e cada um dos seus gestos dão a impressão de terem sido repetidos cuidadosamente. Esta categoria é a que mais parece aproveitar de sua estadia em St. Barts. Eles começam as férias como animais perseguidos, furtivos e desconfiados. No momento da partida, eles têm um bronzeado dourado, sentindo-se em paz com seu meio ambiente e a força otimista de seus anos de Universidade.

 

Os passageiros de navios de cruzeiro - Barrigudo, cabelos grisalhos, e uma atitude tímida e amigável, que diminui progressivamente ao longo do dia. Eles não parecem saber porque estão lá. Eles parecem mais à vontade entre as atividades que lhes são familiares como comprar uma camiseta ou para passear de táxi. A horda de filipinos que se dirigem para as adegas de licores isentos de taxas, fazem parte da tripulação.

 

Uma categoria especial de visitantes náuticos fazem parte dos passageiros e da tripulação dos “dirija sozinho” Square Riggers. Muitas Vezes as terças-feiras, os encontramos, passeando subindo e descendo a estrada em direção à St Jean. Muitos deles são excêntricos envelhecendo com uma predileção por chapéus bizarros. Podemos também encontrar grupos de moças com físico que revela uma vida de trabalho árduo, à procura de uma aventura romântica. Todos parecem vestidos para um baile à fantasia cujo tema ainda não foi definido. É evidente que eles estão passando uma ótima estadia, poucos visitantes divertem-se tão publicamente.


Busque no site


Publicidade poderosa

Expandir o seu poder da publicidade com o # 1 em St. Barths.

Saiba mais »


 
patrocinadores oficiais